Seguro de vida entra ou não no inventário?

Essa é uma dúvida muito comum entre as pessoas que fazem este seguro, no entanto segundo o “Art. 794. do Código Civil: O Seguro de Vida ou de Acidentes Pessoais para o caso de morte, o capital estipulado não está sujeito às dívidas do segurado, nem se considera herança para todos os efeitos de direito.”

Por isso, mesmo que segurado deixe dívidas os herdeiros não são obrigados a utilizar o dinheiro dado pelo seguro para efetuar o pagamento delas.

Para que os herdeiros recebam a indenização é necessário apresentar todos os documentos solicitados, normalmente, após cerca de 30 dias já é possível receber o dinheiro, desde que não aja nenhuma discordância entre os beneficiários e tudo tenha sido entregue de forma correta.

Antes de fazer um seguro, sempre converse com seu corretor, ele é o seu melhor conselheiro.

Fonte: DuarteJr

Comentários